img dores fibromialgia

O que é fibromialgia?

A fibromialgia se caracteriza por dores intensas em várias partes do corpo, provocando indisposição, distúrbios de sono, dores de cabeça, problemas de memória e concentração, dor intensa ao toque e cansaço frequente.

Dados de 2017 divulgados pela Sociedade Brasileira de Reumatologia (SBR) apontam que a doença afeta cerca de 10% da população, com maior incidência em mulheres entre 20 e 55 anos, segundo a American Society of Interventiomal Pain Physicians (ASSIP).

A causa da doença ainda é desconhecida, mas acredita-se que traumas físicos ou psicológicos podem desencadear a doença. também não há exames específicos para identificar a fibromialgia, entretanto, o diagnóstico fica por conta da interação médico/paciente e avaliação dos sintomas.

 

Diagnóstico e mapa de pontos dolorosos

O diagnóstico da Fibromialgia é delicado e pode ser confirmado por um clínico geral quando existe dor intensa em 3 a 6 áreas diferentes do corpo durante 3 meses ou dor menos forte em 7 ou mais áreas diferentes do corpo.

Veja os principais pontos da fibromialgia são:

mapa dos Pontos de dor da Fibromialgia

 

Você sabe quais são as doenças tratadas pelo reumatologista? 

 

Como amenizar as dores da fibromialgia?

 Exercícios aeróbicos – são indicados para melhorar dores, distúrbios de sono, fadiga, depressão e ansiedade. Caminhada e hidroginástica são boas opções nesse sentido.

Terapia cognitiva-comportamental/ocupacional – as dores crônicas podem afetar o portador da doença no trabalho, na vida social, relações familiares e autoestima. A terapia é um excelente método para entender esse processo e ajudar a lidar com a dor. Já a ocupacional pode minimizar as dores físicas e desconfortos.

Medicamentos específicos – pode ser necessário tomar antidepressivos, além dos remédios para dor. Mas somente um especialista pode recomendá-los.

Hábitos saudáveis – boa alimentação, sono regulado e atividades que reduzem o estresse são boas alternativas.

Leia mais sobre alimentação saudável.

 

Alimentação

A escolha de alimentos capazes de aumentar a produção de serotonina (proteínas e laticínios com baixo teor de gordura, castanhas, arroz integral), que são fontes de melatonina (aveia, vinho), e os antioxidantes (vegetais) pode ser importante para reduzir os sintomas. Evitar consumo em excesso de açúcar e gorduras também auxilia nesse controle.

Você sabia que é preciso escolher bem os vegetais?

 

Na presença de um ou mais sintomas descritos acima, é essencial procurar um especialista. E evite tomar medicamentos sem prescrição médica.

 

Search

+