combate ao fumo

Dia Nacional de Combate ao Fumo


De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), tabagismo é a principal causa de morte evitável no mundo publicado.

Em 2011, foi responsável por cerca de 6 milhões de mortes e, mesmo com estudos apontando redução no número de fumantes em diversos países, como o Brasil, as estimativas para 2020 é que esse número aumente para cerca de 10 milhões. No Brasil, aliás, são 200 mil mortes por ano relacionadas à dependência do cigarro.

Assista ao vídeo da coordenadora da Oncologia Clínica do Leforte Oncologia, Dra. Fauzia Naime, sobre os malefícios do fumo.

 

 

Dia Nacional de Combate ao Fumo

No dia 29 de agosto é comemorado, no Brasil, o Dia Nacional de Combate ao Fumo, uma data instituída em 1986 pela lei nº 7488, que foi criada com o objetivo de conscientizar e mobilizar a população.

O cigarro, assim como outros derivados do tabaco, não possui uma quantidade segura de consumo. Somente na fumaça desse produto, por exemplo, encontramos mais de 4.700 substâncias tóxicas, algumas inclusive cancerígenas.

O alcatrão e a nicotina são exemplos dessas substâncias maléficas ao organismo. Essa última substância age como estimulante do sistema nervoso central, eleva a pressão sanguínea e a frequência cardíaca, diminui o apetite e desencadeia náusea e vômito. Já o alcatrão, que é formado por várias substâncias, está ligado a doenças cardiovasculares, câncer, entre outras.

 

 

Leia mais:

Conscientização é a maior aliada no combate ao tabagismo

Como seu organismo reage quando você para de fumar? Veja os benefícios

Hipertensão arterial

Search

+