Centro de Coluna e Dor
Grupo Leforte

Centro de Coluna e Dor do Grupo Leforte

Dor crônica é aquela que persiste ou se repete por mais de três meses em um determinado lugar do corpo e está associada com algum tipo de sofrimento emocional ou incapacidade, interferindo nas atividades sociais e profissionais.

  • 20% da população mundial sofre com algum tipo de dor crônica;
  • 18% da população da América Latina tem dor crônica;
  • População mais idosa tem percentual maior de dor crônica;
  • Mulheres são mais afetadas por dor crônica.

Tipos de dor crônica

Dor crônica primária

É aquela em que não é identificada uma estrutura lesionada que possa causar a dor. Por exemplo:

  • Fibromialgia;
  • Dor de cabeça;
  • Dor nas costas.

Dor crônica secundária

Quando é identificada a causa da dor, como um trauma ou problema de saúde que lesiona uma região. Por exemplo:

  • Dor por hérnia de disco;
  • Dor provocada por câncer;
  • Dor de origem neurológia.

A dor de cabeça e a dor nas costas são as dores crônicas mais frequentes. Porém, a que mais causa sofrimento é a dor nas costas. Existem vários fatores de risco para ela, como excesso de peso, sedentarismo, carregar muito peso, fumar, má postura e idade. Pode afetar três regiões da coluna cervical:

  • Dor na lombar – localizada acima do quadril;
  • Dor na dorsal – na parte central das costas;
  • Dor na cervical – fica entre a cabeça e o tronco.

Tratamento de dor crônica

O Centro de Coluna e Dor do Grupo Leforte está pronto para atender todos os casos de dor crônica com uma equipe multidisciplinar que trabalha de forma coordenada e integrada. O objetivo é olhar para o paciente como um todo para avaliar aspectos biológicos, psicológicos e sociais que possam estar relacionados com a dor crônica que o afeta.

Tratamento da dor crônica

Atendimento

Especialistas em fisiatria, psiquiatria e também em neurocirurgia para descartar alterações de origem neurológica.

Tratamento Integrado

Acompanhamento psicológico, terapia ocupacional, orientação nutricional e seções no Núcleo de Fisioterapia.

Farmacêutica

Integração de cuidados medicamentosos por farmacêutico para maior segurança dos pacientes de dor crônica e aguda.

Anestesiologia

Integração com a anestesiologia para controle da dor crônica e da dor pós-operatória, mesmo fora do hospital.

A assistência do Centro de Coluna e Dor é baseada no modelo biopsicossocial do psiquiatra George Libman Engel. Ela acontece com uma equipe que atua em conjunto e centrada nas necessidades do paciente, como proposto por Michael E. Porter, professor da Harvard Business School.

Equipe médica do Centro de Coluna e Dor

Equipe médica do centro de coluna e dor

Coordenador

Dr. Vinícius Monteiro de Paula Guirado

Neurocirurgião, especialista em dor e coluna vertebral.
CRM-SP: 91.520
RQE: 26.794 e 26.794-1
Área de interesse: qualidade de vida e prevenção, procedimentos cirúrgicos minimamente invasivos

Atendimento: quintas-feiras à tarde, na Rua da Glória, 676 / 3º andar – Liberdade.

Equipe


Neurocirurgião, especialista em dor.
CRM-SP: 135.267

Área de interesse: procedimentos cirúrgicos minimamente invasivos.

Atendimento: quartas-feiras de manhã, na Rua da Glória, 676 / 3º andar – Liberdade.


Fisiatria, especialista em neurofisiologista clínica / eletroneuromiografia.
CRM-SP: 152.029

Área de interesse: reabilitação física e eletroneuromiografia.

Atendimento: segundas-feiras à tarde, na Rua da Glória, 676 / 3º andar – Liberdade.

Psiquiatra.
CRM-SP: 106.196
RQE: 21.591

Área de interesse: qualidade de vida e prevenção com ênfase em saúde mental, sono e dor crônica.

Atendimento: quintas-feiras à tarde, na Rua da Glória, 676 / 3º andar – Liberdade.

Neurocirurgião, especialista em dor.
CRM-SP: 145.380
RQE: 68522

Área de interesse: procedimentos cirúrgicos minimamente invasivos.

Atendimento: segundas-feiras à tarde, na Rua da Glória, 676 / 3º andar – Liberdade.

Neurocirurgião, especialista em dor.
CRM-SP: 131.375

Área de interesse: procedimentos cirúrgicos minimamente invasivos.

Atendimento: terças-feiras de manhã, na Rua da Glória, 676 / 3º andar – Liberdade.

Fisiatria, especialista em neurofisiologia clínica / eletroneuromiografia.
CRM-SP: 139.792
RQE: 55.130

Área de interesse: reabilitação física e eletroneuromiografia. Aplicação de Botox para tratamento de espasticidade, distonia e sialorreia. Infiltrações guiadas por ultrassom para o tratamento de dor.

Atendimento: quintas-feiras à tarde, na Rua dos Três Irmãos, 121 – Morumbi.

Neurocirurgião, especialista em dor.
CRM-SP: 136.078
RQE: 61.813 e 61.813-1

Área de interesse: procedimentos cirúrgicos minimamente invasivos.

Atendimento: quintas-feiras à tarde, na Rua da Glória, 676 / 3º andar – Liberdade.

Localização do Centro de Coluna e Dor

O Centro de Coluna e Dor é localizado na região central de São Paulo, a 200 metros da unidade Liberdade do Hospital Leforte, entre as estações do metrô São Joaquim e Liberdade e com acesso fácil pela Av. 23 de maio.

  • Endereço: Rua da Glória, 676 / 3º andar – Liberdade – São Paulo – SP
  • Horário de funcionamento: de segunda a sexta-feira, das 6h às 20h, e aos sábados, das 6h às 14h.
  • Estacionamento: no local.

Veja notícias e conteúdos relacionados ao Centro de Coluna e Dor do Grupo Leforte

Conviver com dor não é normal

Ouça agora o podcast com especialistas do Centro de Coluna e Dor sobre o que são dores crônicas e quando devemos procurar tratamento.

Artrose, doença reumática com mais casos no Brasil

Quais são os sinais e os sintomas? Como é feito o tratamento de artrose, ele envolve profissionais de mais de uma especialidade?

Fibromialgia provoca dor generalizada e até sintomas psiquiátricos

Como lidar com essa doença que é mais comum em mulheres entre 30 a 60 anos e causa dor generalizada nos músculos, tendões e ligamentos?

Dor nas costas: o que fazer?

Dependendo da intensidade, a dor na coluna pode irradiar para outras regiões do corpo, como cabeça, pernas, braços, com fisgadas nesses locais. Quando em estágios mais graves ou avançados, o problema é capaz de provocar tontura, dificuldade para enxergar, ouvir e até mesmo para deglutir. Quer saber mais?

Notícias