Importância da atividade física



Alimentação equilibrada, prática regular de esportes e sono adequado são fundamentais na manutenção de uma qualidade de vida satisfatória. Esse é o tripé de uma fórmula eficiente e acessível para todos, cada vez mais buscada pelas pessoas para prevenir doenças e manter o bem-estar físico e mental.

Segundo o IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, mais da metade dos brasileiros não pratica qualquer atividade física. Dentro deste percentual, alguns nem ao menos caminham nos deslocamentos para o trabalho ou para o lazer.

O sedentarismo está associado a uma série de doenças. Por isso, profissionais da saúde e especialistas alertam para a necessidade da prática de alguma atividade física. A prática regular de exercícios físicos reduz a mortalidade decorrente de doenças cardiovasculares e a ocorrência de determinados tipos de câncer, além de regular o nível da pressão arterial, a taxa de colesterol e o metabolismo de açúcares no organismo.

 

Como começar uma atividade física

Para o início de qualquer atividade é prudente passar por uma avaliação médica prévia. Antes de escolher o esporte observe também:

> Sua aptidão física e cardiovascular para a modalidade escolhida
> Se o ambiente no qual o esporte será praticado condiz com suas expectativas
> Riscos de lesão específicos decorrentes da modalidade esportiva escolhida

É importante ressaltar que a prática de atividade física sob orientação de um profissional da saúde reduz o risco de lesões.

 

Quantas vezes por semana realizar a atividade física?

Há sempre dúvidas quanto ao número de vezes na semana que devem ser feitas atividades físicas, e qual intensidade das mesmas, para trazer benefícios à saúde.

A recomendação dos órgãos internacionais de saúde é a realização de pelo menos 150 minutos semanais de atividade moderada ou 75 minutos de atividade intensa.

A boa notícia é que em pesquisa recente publicada no JAMA Internal Medicine, periódico da Associação Médica Americana, especialistas afirmam a realização da carga de atividades físicas apenas uma vez na semana já reduz em até 30% o risco de morte.

O estudo observou que essa redução no risco de morte é maior quanto mais atividade se realiza. De qualquer forma, comparados os sedentários, qualquer exercício já é melhor do que nada.
 

Ckeck-up cardiológico

Qualquer pessoa que pretenda iniciar uma prática esportiva deve passar por um check-up prévio, não apenas atletas. O Núcleo de Cardiologia do Hospital Leforte tem cardiologistas formados nas principais escolas do país e é equipado para realizar todos os exames específicos para o check-up cardiovascular, como ecocardiograma, teste ergométrico, holter 24 horas, teste ergoespirométrico, entre outros.

 

 

Leia mais:

Dra. Talita Rizzini sobre o atendimento pediátrico na unidade Liberdade

As doenças sazonais mais comuns da infância

Saúde do coração da mulher

Search

+